sexta-feira, dezembro 14

SAEB recebe inscrições para 2.535 vagas de estágio na Bahia

A Secretaria da Administração do Estado da Bahia (SAEB) publicou o edital de processo seletivo que visa ao preenchimento de 2.535 vagas para estagiários de diversas áreas.
Vagas
Podem se inscrever estudantes de administração, ciências contábeis, direito, jornalismo, medicina veterinária, análise de sistema, arquitetura, ciências econômicas, engenharia civil, engenharia da computação, redes de computadores, ciências biológicas, engenharia agronômica, engenharia ambiental, engenharia de pesca, secretariado, zootecnia, letras, relações internacionais, turismo e hotelaria, secretariado executivo, dentre outros cursos. Confira a lista completa de cursos no edital anexado na notícia.
Os selecionados atuarão em regime de quatro horas diárias, totalizando 20 horas semanais deestágio. O valor da bolsa-auxílio a ser pago pelos órgãos e/ou entidades da Administração Pública Estadual será de R$ 455, além do auxílio-transporte. Já o valor da remuneração na Desenbahia será de R$ 1.424, mais auxílio-transporte.
O estágio terá duração de um ano sem possibilidade de prorrogação, exceto para estudantes com deficiência.
Inscrições
As inscrições serão realizadas até o dia 2 de maio, no site www.programaestagio.saeb.ba.gov.br
De acordo com o edital, o estudante que for selecionado para a vaga de estágio disponível receberá e-mail automático do sistema, informando o período em que deverá comparecer ao órgão ou entidade, devendo o candidato em até dez dias úteis a contar da data de recebimento do e-mail convocatório, munido dos seguintes documentos: comprovante de residência; original e cópia da carteira de identidade; original e cópia do Cadastro de Pessoa Física – CPF; original e cópia de carteira de identidade do representante legal, ou do termo de guarda expedida por autoridade judicial, se for o caso; declaração da instituição de ensino informando o semestre letivo, o turno de estudo, o curso de formação e sua natureza presencial; comprovante de matrícula e frequência na instituição de ensino; declaração própria de que não exerce atividade remunerada em órgão público; original e cópia do título de eleitor, se for o caso; original e cópia do certificado de reservista, se for o caso; Carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS; comprovação de inscrição no CadÚnico, se for o caso; histórico escolar do ensino médio; declaração da escola em que cursou o ensino médio, como bolsista integral, se for o caso; e e-mail convocatório emitido pelo sistema.

Fonte: Simões Filho Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *