terça-feira, março 19

Operação desarticula associação criminosa em Salvador e Feira de Santana

Visando desarticular uma associação criminosa que praticava furto e receptação de mercadorias em Salvador e Feira de Santana (a 109 km da capital) , a Polícia Federal (PF), em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), deflagrou, na manhã desta quinta-feira, 14, a operação “Feira Livre”.

De acordo com a PF, estão sendo cumpridos 17 mandados de prisão (quatro preventivas e 13 temporárias) e 17 mandados de busca nas cidades de Feira de Santana e Salvador, na Bahia; Santa Rita, na Paraíba; e São Paulo, Guarulhos, Mogi das Cruzes e Sumaré, no Estado de São Paulo.

A ação trata-se de um desdobramento da Operação “Transbordo”, iniciada em Alagoas em julho de 2018. Nesta ocasião foram cumpridos mais de 170 mandados judiciais em vários estados, sendo 38 na Bahia.

Na operação “Feira Livre”, cerca de 55 policiais federais e 80 policiais rodoviários federais estão participando.

A polícia constatou, durante as investigações, que a atuação da quadrilha era baseada no aliciamento de caminhoneiros, mediante vantagem financeira, para que realizassem o desvio, total ou parcial, da carga transportada. Ainda segundo a PF, o grupo chegou a atingir comerciantes de outros estados, como Paraíba e São Paulo.

Ainda não se sabe o valor exato que a quadrilha furtou. A PF estima um prejuízo de milhões de reais em mercadorias desviadas.

Os presos, que não foram identificados, foram indiciados pelos crimes de furto e receptação qualificados.

 

 

 

 

FONTE:  A Tarde 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *