terça-feira, setembro 29
Shadow

Prefeitura Joaquim Neto destina recursos do São João para ações contra o novo coronavírus

O prefeito Joaquim Neto (PSD) anunciou, nesta segunda-feira (23), que irá destinar todos os recursos do São João para ações de enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19). A medida fortalecerá a capacidade e a qualidade de atendimento da rede municipal de saúde e soma-se às ações já adotadas no município, que segue sem casos confirmados.

Entre as medidas de prevenção, estão o fechamento do comércio e serviços, entre os dias 25 e 31 de março, exceto farmácias, supermercados, postos de combustíveis, bancos, lotéricas, clínicas veterinárias e feiras de alimentos, fechamento de bares e restaurantes, suspensão das aulas nas escolas públicas e particulares, intensificação da higienização dos transportes coletivos, táxis e mototáxis, proibição de eventos coletivos com público igual ou superior a 50 pessoas e suspensão de visitas a estabelecimentos hospitalares e Instituições de Longa Permanência para idosos (ILPI).

A prefeitura também iniciou o controle do acesso de veículos e restringiu as entradas da cidade em dois locais, onde bloqueios sanitários fazem a triagem de pessoas para atualização de informações sobre possíveis contágios e encaminhamento de casos suspeitos. Frentes de trabalho atuam em três turnos, na fiscalização do cumprimento dos decretos nos estabelecimentos comerciais, com apoio da Polícia Militar.

Paralelamente, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) tem promovido a intensificação do treinamento e orientações aos profissionais, de campanhas educativas nos bairros, centro da cidade e Central de Abastecimento, reforçado os procedimentos de monitoramento. Também foi disponibilizado um call center para atendimento à população.

O impacto econômico e o contágio do vírus por meio da falta de higienização frequente das mãos também foram preocupações do governo municipal, ao elaborar o plano de ação para o enfrentamento ao coronavírus. Nesse sentido, também ficam suspensos, pelo prazo de 90 dias, o corte de água para inadimplentes e a cobrança de tarifas sociais do Sistema Autônomo de Água e Esgoto (SAAE).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *