sábado, setembro 26
Shadow

”Quando o grupo é coeso e grande é normal ter discussões para chegarmos a um denominador comum, para o bem da nossa população” diz Gustavo Carmo em entrevista

“Quando o grupo é grande acontece algumas insatisfações, tudo dentro da normalidade política. É obvio que todos querem mais espaço. O mais importante é que a reeleição de Joaquim Neto conta com a participação de sete partidos em que todos na verdade estão unidos para o bem melhor do povo da Alagoinhas, onde todos elegerão vereadores, e sabemos que isso incomoda muito mais a oposição. É a maior força da eleição”. Disse Gustavo Carmo.

O prefeito por conta dessa formação partidária, tem diversas opções para escolher um Vice, Nomes como: Iracy Gama, Roberto Torres, Ozéas Menezes e Alfredinho Menezes. Claro que o prefeito precisa conversar com todos, pois ele não tem projeto político de poder e sim de fazer uma ótima gestão. Entretanto, ninguém é dono do cargo de Vice, por enquanto, o primeiro critério será: o bem-estar do povo de Alagoinhas, o segundo será: aquele ou aquela que agregar mais densidade eleitoral e ajudar na vitória, isso só vamos perceber, nas pesquisas em tempo oportuno e após isso claro, teremos mais discussões, isso faz parte da democracia, detalhe: “ O prefeito sequer declarou ser candidato a reeleição, não tendo assim como definir ainda um vice.

A realidade é que o prefeito Joaquim neto nesse momento não está pensando em campanha e sim na saúde e bem-estar do povo de Alagoinhas, mostrando a cada dia o seu compromisso na luta contra a Pandemia do Coronavírus. Portanto deixem a campanha política para a oposição, que não vem se mostrando preocupada com a população e sim em fazer campanha exaltando a miséria do povo e espalhando notícias mentirosas, Fakenews. Campanha política se faz no tempo certo.

Marcio Ramos
Jornalista DRT 5202/BA
Conselheiro ABI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *