domingo, setembro 27
Shadow

Forças empresariais de Alagoinhas emitem nota e falam da preocupação com o fechamento do comércio

As forças empresariais de Alagoinhas vêm a público externar sua preocupação com o cenário que vem se apresentando ao comércio considerado não essencial em nosso Município. No último dia 15 fomos negativamente surpreendidos com a publicação de mais um Decreto municipal estendendo o fechamento das lojas até o dia 20 de abril, logo empregados e empregadores permanecerão em suas casas, com as suas empresas fechadas e sem qualquer atividade lucrativa.


Acontece que a crise socioeconômica que está sendo deflagrada em Alagoinhas, tendo em vista o fechamento do comércio sem qualquer perspectiva de retorno das atividades à curto prazo, tem gerado impactos muito prejudiciais, inclusive gerando inúmeros desempregos, inadimplência e falências.
Inúmeras cidades do interior da Bahia, que possuem casos confirmados de corona vírus, reabriram os seus comércios. Assim, entendemos que é possível abrir o comércio varejista em geral em Alagoinhas de forma gradual, adotando medidas de prevenção e proteção sanitárias, conforme orientações da própria Organização Mundial de Saúde.


Deve-se considerar que a nossa cidade não registrou nenhum novo caso de COVID-19 desde o último dia 5 de abril e todos os casos positivos permaneceram em isolamento e monitoramento pela Prefeitura, e hoje estão curados, conforme boletim epidemiológico de 16.04.20. Além disso, a cidade não registra nenhum óbito pela doença.
Dessa forma, estamos certos de que a pandemia do CORONAVÍRUS (covid-19) é gravíssima e vem se alastrando velozmente pelo globo terrestre, porém o momento é de zelo, precaução e união.


Sendo assim, as forças empresariais de Alagoinhas juntas pedem pela preservação da VIDA e da saúde física, mental e socioeconômica de todos os cidadãos alagoinhenses.

SICOMERCIO – SINDICATO DO COMÉRCIO DE ALAGOINHAS E REGIÃO
CDL – CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS
ACIA – ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E INDUSTRIAL DE ALAGOINHAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *