domingo, setembro 27
Shadow

Evento em parque de exposições de Jeremoabo atrai plateia em meio a isolamento social

Uma vaquejada reuniu dezenas de pessoas na tarde desta sexta-feira (29) em Jeremoabo, no Norte do estado. Realizado no Parque de Exposições Antônio Flávio, em meio a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o evento teve direito a anúncio nas redes sociais e um mote: o desafio entre o “Boi Chuvisco” e “Bosco”.

A transmissão ao vivo da competição chegou a ser divulgada, mas devido a problemas de conexão no local – alegou o rapaz que publicou o anúncio -, o registro foi feito através de um vídeo. Nele, várias pessoas aparecem nas arquibancadas da pista de vaquejada.

Em contato com o Bahia Notícias, moradores da cidade denunciaram a situação. Um deles apontou a contradição entre as determinações das autoridades de saúde e a realização do evento, já que o parque onde está instalado a pista é administrado pela prefeitura municipal.

“Enquanto igrejas estão proibidas de abrir, donos de bares estão passando por necessidade, restaurantes estão funcionando apenas por delivery, um evento desse acontece em pleno estabelecimento público”, ressaltou o morador.

A prefeitura de Jeremoabo se manifestou sobre o caso através de uma nota, encaminhada ao Bahia Notícias. “O prefeito Derivaldo José dos Santos e todos que compõem a administração vêm, através desta, repudiar de forma veemente o ato praticado em 29/05 no Parque de Vaquejada Antônio Flávio, ato este que em nenhum momento contou com a autorização do Executivo, tendo ocorrido de forma ilegal e clandestina”, disse.

A gestão municipal ainda garantiu que serão tomadas todas as medidas necessárias, tanto na área judicial quanto administrativamente, e pediu desculpas à população de Jeremoabo pelo ocorrido.

Jeremoabo, de acordo com o último boletim epidemiológico, divulgado pela gestão municipal nesta sexta-feira, tem um caso confirmado da Covid-19 e 104 pessoas em monitoramento domiciliar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *