quinta-feira, fevereiro 20

Política

Em Cardeal da Silva 35% apoia reeleição de Mariane, 16% não votam nela

Em Cardeal da Silva 35% apoia reeleição de Mariane, 16% não votam nela

Cidades, Política
Pesquisa realizada pelo Bahia Notícias e a empresa Séculus Análise e Pesquisa mostra que em Cardeal da Silva, se a prefeita Mariane Mercuri for candidata a reeleição, 35,77% da população votaria nela com certeza. O índice dos que dependem dos outros candidatos para avaliar se apoiariam ou não a reeleição foi de 39,84%. Os que não votariam em Mariane de jeito nenhum somam 16,67%. Os eleitores que não opinaram representam 7,72%. Em um cenário estimulado de intenções de voto Mariane alcançou os 45,53%. Em segundo lugar aparece Branco de Antônio Augusto com 20,33%, Missinha aparece com 5,69%, Quitéria pontuou 3,25% e Robinho do Psol 2,03%. Nenhum foi a opção de 6,10%, não souberam 16,60% e não opinou 4,47%. Numa situação em que foi perguntado em quais nomes os eleitores de Carde
Insatisfação da população de Dias D’Ávila sobre gestão de Jussara cresce e chega aos 65%

Insatisfação da população de Dias D’Ávila sobre gestão de Jussara cresce e chega aos 65%

Cidades, Política, Últimas notícias
A insatisfação da população de Dias D'Ávila com a gestão da prefeita Jussara Nascimento (PT) cresceu de acordo com pesquisa do Bahia Notícias e a Séculus Análise e Pesquisa. Enquanto em outubro 55,99% dos eleitores desaprovavam a maneira como ela gere a cidade, o novo levantamento indicou que a realidade agora é de 65% de desaprovação. Os que aprovam a gestão da petista somam 30%. Se disseram indiferentes 2,75% e não opinaram 2,25%. Quanto a maneira como a população avalia a gestão 38,25% consideram péssima, 33,75% regular, 12,50% boa, 11,75% ruim e 2,50% ótima. Um total de 1,25% não opinou. A pesquisa consultou 500 eleitores entre os dias 14 e 15 de dezembro. O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro máxima estimada é de 3,0 pontos percentuais para mais ou
Lei Orçamentária da Bahia para 2020 é aprovada na Alba

Lei Orçamentária da Bahia para 2020 é aprovada na Alba

Bahia, Política
A Lei Orçamentária Anual (LOA) da Bahia para 2020 foi aprovada nesta terça-feira (17) pela Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). O projeto foi votado em segundo turno e aprovado por maioria. A proposta já havia sido aprovada em primeiro turno na segunda-feira (16). A LOA prevê um aumento de 4,6% em relação ao orçamento deste ano. O documento foi entregue em 30 de setembro pelo secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro, ao presidente da Assembleia Legislativa, Nelson Leal, na presença do vice-governador, João Leão. A proposta orçamentária fixa as despesas para 2020 em R$ 49,2 bilhões, enquanto o valor para 2019 foi de R$ 47,1 bilhões.Segundo Pinheiro, dos R$ 49,2 bilhões previstos para o orçamento baiano em 2020, R$ 39,8 bilhões têm como fonte os recursos do tesouro.
Presidente da UPB anuncia acordo com PGE para liberação dos royalties aos municípios

Presidente da UPB anuncia acordo com PGE para liberação dos royalties aos municípios

Bahia, Cidades, Política
O presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Eures Ribeiro, e uma comissão de prefeitos foram recebidos na tarde desta terça-feira (17) pelo procurador geral do Estado, Paulo Moreno, na busca de entendimento para o repasse dos royalties do petróleo às prefeituras. No encontro, foi firmado um acordo para que os municípios suspendam ações judiciais e passem a receber o recurso do Governo do Estado da Bahia a partir de janeiro, conforme o compromisso assumido pelo governador Rui Costa durante o Encontro de Prefeitos promovido pela UPB, no último mês de setembro. "Saímos muito felizes, com uma proposta fechada de acordo, para que finalmente os municípios possam, a partir de janeiro, receber o que lhe é de direito com os 25% dos royalties do petróleo da Bahia", contou o presid
PT-BA proíbe alianças com DEM e políticos bolsonaristas, mas não há vetos a partidos ligados ao presidente

PT-BA proíbe alianças com DEM e políticos bolsonaristas, mas não há vetos a partidos ligados ao presidente

Bahia, Política
A executiva do PT Bahia se reúne nesta terça-feira (17) para definir diretrizes para a estratégia eleitoral do partido nas próximas eleições. O grupo proibiu alianças com o DEM e políticos bolsonaristas, mas a proibição não atinge partidos ligados ao presidente Jair Bolsonaro. Atualmente, partidos que votam favoráveis a pautas bolsonaristas, como o PSD, PP e Podemos, estão na base do governador Rui Costa. Ao BNews, o presidente da sigla, Éden Valadares, afirmou que a resolução não diz respeito aos partidos governistas na Bahia. “Sabemos que, eventualmente, tem parte da bancada que é da base de Rui e que eventualmente vota favorável a alguns projetos de Bolsonaro, mas não estamos nos referindo a eles. PSD, PP, Podemos e outros, eles aqui na Bahia atuam em defesa do legado de Lu
Traficante mandou matar motoristas após mãe ter corrida cancelada por app, diz governador da Bahia

Traficante mandou matar motoristas após mãe ter corrida cancelada por app, diz governador da Bahia

Bahia, Política, Últimas notícias
O governador da Bahia disse em coletiva realizada nesta terça-feira (17), em Salvador, que os assassinatos dos quatro motoristas por aplicativo, ocorridos na sexta (13), foram ordenados por um traficante, após a mãe dele ter uma corrida cancelada. A coletiva foi realizada em inauguração de Centro de Atenção Psicossocial (Caps). "O traficante mandou matar as pessoas porque foi cancelada uma chamada. Porque a mãe dele chamou, e o Uber cancelou a chamada. E ele mandou executar as pessoas", disse Rui Costa. A Polícia Civil informou que essa é uma das hipóteses levantadas pelas investigações, mas que o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) ainda está em fase de conclusão das apurações. Na segunda-feira (16), a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) informou que o sus