Shadow

saude

MP aciona 12 municípios baianos por não possuírem plano municipal de saneamento básico

MP aciona 12 municípios baianos por não possuírem plano municipal de saneamento básico

Acontece, Bahia, Cidades, Destaque, saude, Últimas notícias
O Ministério Público estadual, por meio do promotor de Justiça Yuri Lopes, ajuizou ações civis públicas contra 12 municípios da região sul da Bahia pedindo que a Justiça determine a implantação de políticas públicas de saneamento básico e resíduos sólidos e a interrupção do lançamento de resíduos in natura em lixões. Foram acionados os municípios de Almadina, Arataca, Barro Preto, Buerarema, Itapé, Itapitanga, Itajuípe, Floresta Azul, Jussari, Mascote, Potiraguá e São José da Vitória. O MP busca que sejam atendidas as determinações da Lei 11.445/2007, que estabelece as diretrizes nacionais para o saneamento básico e a Lei 12.305/2010, que institui a Política Nacional de Saneamento Básico.  Na ação, o MP requer que os municípios iniciem, no prazo de 30 dias, a elaboração do plano
Esplanada: Gêmeos prematuros aguardam transferência de hospital há quase 10 dias

Esplanada: Gêmeos prematuros aguardam transferência de hospital há quase 10 dias

Bahia, Destaque, ESPLANADA, saude, Últimas notícias
Dois bebês prematuros seguem internados nesta quinta-feira (13|) na Santa Casa de Misericórdia de Esplanada, no nordeste baiano, no aguardo de serem transferidos. Os pequenos Cauã e Caio nasceram no último dia 4 de dezembro, mesmo dia em que a direção da unidade de saúde solicitou a transferência dos dois para a Central de Regulação. Conforme a técnica de enfermagem Josivânia Santos de Matos, um dos bebês, que nasceu com 1,4 kg, já perdeu peso e atualmente está com 1,1 kg. "A gente faz um apelo para que essa regulação saia logo, porque eles estão lutando para viver a cada dia", disse ao Bahia Notícias. Segundo a maternidade, as crianças precisam ser transferidas para uma unidade de saúde com mais recursos e com neonatologista [médico especialista no atendimento de 
Hospital Maternidade de Alagoinhas implanta técnica de redes terapêuticas para o cuidado a bebês prematuros

Hospital Maternidade de Alagoinhas implanta técnica de redes terapêuticas para o cuidado a bebês prematuros

Bahia, Destaque, GERAL, Notícias de Alagoinhas, saude, Últimas notícias
O Hospital Maternidade Doutor João Carlos Meireles Paolilo, em Alagoinhas, implementou esta semana mais uma forma de cuidado humanizado para os recém-nascidos. Apostando em um recurso terapêutico que surgiu na Austrália, em 2001, e que tem sido adotado em hospitais de referência no Brasil, como o Hospital Samaritano, em São Paulo, o Hospital Estadual Rocha Faria, no Rio de Janeiro, a Santa Casa de Jaú, no interior paulista, e o Hospital Regional de Maringá, no Paraná, a Maternidade de Alagoinhas adotou a técnica de redes terapêuticas para a recuperação de bebês prematuros. Segundo especialistas, o recurso contribui para o desenvolvimento neuropsicomotor e para promover melhorias na posição flexora do recém-nascido. “A técnica visa à promoção do conforto, a melhorias