Terça, 19 de Outubro de 2021
075 999452529
Ação Social Bahia

Campanha de arrecadação de itens femininos é lançada pela Patrulha Solidária

Unidade arrecada absorventes, sabonete íntimo e outros itens utilizados no cuidado pessoal feminino.

09/08/2021 14h50
133
Por: Redação Fonte: Secom Bahia - (Pamela Simplício)
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Patrulha Solidária do Comando de Policiamento da Região Sudoeste (CPRSO) lançou, na manhã esta segunda-feira (9), a campanha ‘Dignidade Feminina é a Regra’, com o objetivo de arrecadar produtos de higiene feminina para atender mulheres em situação de vulnerabilidade social de Vitória da Conquista e região.

De acordo com a coordenadora da unidade, tenente Maria Alice de Santana, a iniciativa vai arrecadar absorventes, sabonetes íntimos e outros itens utilizados em cuidados pessoais. “É uma campanha relacionada a pobreza menstrual. É um assunto que tem sido muito debatido, ocorre muito com mulheres que vivem em extrema vulnerabilidade social, muitas não têm condições de adquirir absorventes e outros itens para higiene íntima”, explicou.

Serão montados kits com os donativos entregues para o público feminino. Na próxima quarta-feira (11), 15 mulheres cadastradas pela unidade receberão os itens e participarão de um dia de cuidados. A unidade também organiza uma live com profissionais de saúde para abordar o tema.

“A gente percebeu que, durante as ações, as mulheres sempre falam que não têm absorvente e pedem. É uma necessidade, há adolescentes que vivem esse drama e as mães falam que não têm dinheiro para comprar”, falou Maria Alice.

Segundo o  coronel Ivanildo da Silva, comandante do CPRSO, os itens podem ser levados a qualquer uma das unidades policiais.

Mais vulneráveis aquecidos

A Patrulha Solidária também entregou 500 cobertores e mais de meia tonelada de alimentos para a população em situação de vulnerabilidade de Vitória da Conquista, Poções, Guanambi e Itapetinga. As doações aconteceram neste sábado (7).

Famílias dos bairros Morada Nova, Bruno Barcelar, Pedrinhas e Nossa Senhora Aparecida, além do projeto Todos Nós, do Centro de Recuperação Cotefave, da Pastoral do Menor e do Grupo Coletivo Finas com o público LGBTQI+ foram beneficiadas com a distribuição de 500 mantas, 470 quilos de alimentos e 350 cestas de mantimentos. Os cobertores foram doados por voluntários amigos da unidade.

Fonte: Ascom/ SSP-BA

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias