Sábado, 15 de Junho de 2024
075 992680030
Cultura Bahia

Abertura da 1ª edição do Festival Recôncavo Instrumental acontece no MAM

O evento, que celebra a diversidade de idiomas clássicos da música mundial, reunirá grandes instrumentistas e compositores da África ocidental, Saa...

25/10/2023 11h50
336
Por: Redação Fonte: Secom Bahia

Os amantes da música instrumental já podem garantir os ingressos para curtir a abertura da 1ª edição do Festival Recôncavo Instrumental, que acontece a partir de 28 de outubro, em Salvador. Com uma programação intensa, o público poderá curtir abertura do festival no Museu de Arte Moderna, em Salvador, juntamente com o projeto JAM no MAM. Será uma apresentação inédita da compositora e multi-instrumentista Sona Jobarteh, herdeira da tradição de Gâmbia, considerada a primeira mulher virtuosa da kora, harpa africana com 21 cordas e instrumento clássico da África Ocidental.

Sona é descendente de uma das cinco mais importantes famílias Griot da Gâmbia, cujos membros são os únicos autorizados a tocar a kora. Os ingressos para o primeiro dia do evento estão disponíveis neste link . Até o dia 4 de novembro, o festival vai percorrer algumas cidades da Bahia, como São Sebastião do Passé, São Francisco do Conde, Candeias, Madre de Deus, Santo Amaro, Cachoeira e Saubara.

O evento, que celebra a diversidade de idiomas clássicos da música mundial, reunirá grandes instrumentistas e compositores da África ocidental, Saara, Haiti, Oriente Médio, Bahia e Brasil, em diferentes cidades baianas. Tendo a pluralidade cultural como uma de suas características mais marcantes, a primeira edição do Recôncavo Instrumental deve ter o virtuosismo instrumental como unidade, diz a diretora artística do evento, Simone Leitão.

“Na pluralidade sempre existe alguma unidade e a unidade desse festival é o virtuosismo instrumental. A gente tem essa ligação do virtuosismo com aquilo que é clássico […] Mas isso não é algo só da música erudita, da música clássica europeia, como a gente entende. Ela também está presente em outras tradições e a ideia foi trazer outras tradições, principalmente aquelas da África Ocidental”.

A pianista também elenca a diversidade de técnicas e teorias árabes e europeias, além de evidenciar a entrega de músicos baianos. “A gente traz também o virtuosismo, o trabalho sério de músicos da Bahia, jovens baianos que se debruçaram na música de concerto porque eles são resultado do grande projeto Neojiba. Hoje a gente já tem solistas vindo do Neojiba, não só a grande orquestra”, comentou Simone.

O Festival Recôncavo Instrumental é um projeto realizado pelo Instituto Popular do Recôncavo (IPR), conta com o patrocínio da Acelen, através do Fazcultura, do Governo da Bahia, e tem a direção artística da pianista brasileira Simone Leitão. Confira a programação completa do evento no site www.reconcavoinstrumental.com e pelas redes sociais @reconcavoinstrumental.

Sobre o Recôncavo Instrumental

O Festival traz como proposta, a união de identidades instrumentais estéticas distintas, mas provenientes do mesmo ambiente: tradição secular desenvolvida em várias partes do mundo, que demanda alta técnica e estudo profundo e livres de qualquer amarra comercial e pop. Além disto, visa celebrar as várias tradições clássicas, além da música de concerto que conhecemos, através do Afro-acoustic soul, soft jazz, gnawa music do Marrocos, música clássica árabe. Entre as referências também estão grupo de metais, quarteto de cordas e 1/5 orquestra de cordas e piano formada por jovens talentos baianos e brasileiros, choro (com o virtuose do piano brasileiro Hércules Gomes), e grandes nomes da cena lírica brasileira como Edna D’Oliveira e o baiano Josehr Santos.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
São Paulo, SP
Atualizado às 06h06
17°
Tempo limpo

Mín. 16° Máx. 27°

17° Sensação
1.03 km/h Vento
77% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (16/06)

Mín. 17° Máx. 28°

Tempo limpo
Amanhã (17/06)

Mín. 17° Máx. 27°

Tempo limpo
Ele1 - Criar site de notícias